Como Escolher um Bom Produto Para Promover

compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram

Escolher um produto para vender não é uma tarefa fácil. Existem vários infoprodutos nas plataformas e se você não souber escolher o produto certo para promover, seu negócio online pode ir para o buraco.

Afinal, de nada adianta você divulgar certinho o produto se a qualidade dele é ruim ou se ele simplesmente não vende.

Então fica comigo até o final do post, pois irei te mostrar como escolher corretamente um bom produto para divulgar, promover e vender

1. Uma transformação

A primeira coisa que você tem que ter em mente é que você não está vendendo um mero curso online ou um e- book, você está vendendo algo transformador na vida de quem o compra.

Por isso, antes de escolher um produto, veja se esse produto possui uma super promessa, algo que mudará a vida da pessoa.

Mas essa promessa deve ser algo plausível e alcançável.

Não escolha produtos com promessas exageradas e sem sentido, do tipo “perca 10kg em uma semana” ou “ganhe 1 milhão de reais na internet dormindo”.

Além disso, a promessa deve ser algo de fim, não algo de meio. Vou citar dois exemplos, um certo e outro errado:

  • Promessa de fim: “nesse curso, eu vou te ensinar como pessoas comuns estão ganhando R$ 5.000,00 por mês e estão mudando de vida”.
  • Promessa de meio: “nesse curso, eu vou te ensinar a como ser um afiliado profissional”.

Percebe como o segundo exemplo não ofereceu uma transformação?

No exemplo citado, as pessoas não se importam com o “meio”, mas sim com o “fim”. Elas querem saber o que o curso pode proporcionar, como a liberdade financeira, a liberdade geográfica, a liberdade de horários, etc.

Portanto, quando você for escolher um produto, escolha algo que trabalhe com uma promessa transformadora e que seja ao mesmo tempo plausível.

2. Ticket e Comissão

Outro ponto importante a se observar na hora de escolher um produto é o preço final do produto e a comissão pela venda realizada.

Produtos com ticket alto são mais difíceis de vender e exigem uma estratégia de vendas mais avançada, como por exemplo mandar o cliente para o funil de vendas do produtor.

Mas no começo, o melhor é escolher produtos com ticket baixo ou médio. Então dê preferência para aqueles produ- tos com o preço final de no máximo R$200,00.

Além disso, escolha produtos que paguem no mínimo uns 40% de comissão.

Não divulgue produtos com comissões muito baixas, pois o mesmo esforço que você teve para divulgar um produto que paga só 20%, você teria também se divulgasse outro produto de 50% de comissão e mesmo valor final.

Pense comigo… Se o produto custa R$ 200,00 para o cliente e sua comissão é de 20%, não valeria muito a pena di- vulgar esse produto. Melhor seria você escolher outro produto de mesmo preço e que te pagasse 50% de comissão, pois o seu trabalho para vender seria o mesmo.

3. Pesquise a satisfação de quem já comprou

Procure depoimentos de pessoas que já compraram e se elas gostaram do produto. Veja artigos em blogs, vídeos no YouTube, comentários em grupos do Facebook, etc.

Além disso, veja se há alguma coisa no Reclame Aqui sobre esse produto e se o Produtor está sempre respondendo a essas reclamações.

Pesquise bastante sobre a qualidade desse produto e, se possível, compre-o para dar uma boa olhada você mesmo no produto.

Afinal, você não quer indicar algo ruim para a sua audiência e depois ficar “queimado” se o produto for ruim, não é mesmo?

4. Faça a análise da página de vendas

A página de vendas é o primeiro contato que o seu cliente irá ter com o produto, então é muito importante que ela seja persuasiva para fazer o cliente fechar a compra.

Vou te mostrar alguns elementos necessários de uma boa página de vendas:

  • Headline forte e bem chamativa: veja se o título inicial da página chama bem a atenção e se toca nas “dores”

do público alvo.

  • Vídeo de vendas: assista ao vídeo e veja se há um começo bem empolgante, que prenda a atenção da pessoa.
  • Copy e gatilhos mentais: observe se o produtor usa uma linguagem persuasiva e com promessas fortes. Algo que atenda as dores, objeções e benefícios do cliente.
  • Depoimentos: a opinião de pessoas que já compraram é muito importante para dar prova social ao produto.
  • Layout: um designer bonito, com títulos chamativos, um fundo clean e organizado, que não atrapalhe a leitura.
  • Características do produto: que tipo de material é o produto (curso, e-book, etc.), qual é o conteúdo, o que o cliente irá aprender, etc.
  • Quem é o produtor: ele entende do assunto? tem resultados? mostra autoridade?
  • Oferecer bônus: entregar bônus aumenta a percepção de valor do produto.
  • Botões de CTA: veja se há botões “chamando para ação” o cliente.

5. Olhar se é um produto perpétuo ou lançamento

Produtos perpétuos são aqueles que estão sempre disponíveis para divulgar como afiliado.

Já os produtos de lançamento, o produtor costuma liberar ao mercado em apenas algumas épocas do ano.

Portanto, é muito melhor você se afiliar a produtos perpétuos, pois suas vendas não serão limitadas a temporadas do ano.

6. Duração do Cookie

O cookie é um pequeno arquivo que armazena informações e dados sobre quais sites uma pessoa está visitando na internet.

Quando alguém clica no seu link de afiliado, essa pessoa será marcada com um cookie em seu navegador. Os cookies podem ter diferentes durações, tudo vai depender de como o produtor configurou. A duração do cookie pode variar de 60, 90, 180 dias ou ser eterno.

Isso significa que se alguém comprar após o prazo de validade do cookie, você não receberá a comissão. Então fi- que atento a este detalhe!

Além disso, os cookies também podem funcionar pelos modelos de “último clique“, “primeiro clique” e “múltiplos cliques“.

Mas qual você deve escolher?

Bom, eu recomendo a você escolher um produto que contenha cookies de pelo menos 90 dias, mas é melhor ainda se o cookie for eterno.

E recomendo também que o cookie seja no modelo de “último clique”, principalmente se você trabalha com a estra- tégia de fazer artigos ou vídeos reviews.

7. Afiliação Global

A Afiliação Global consiste em atribuir comissões ao afiliado de um mesmo produtor, independente de qual produto foi adquirido pelo cliente.

Vou explicar melhor…

Um Produtor possui 2 produtos, o “produto A” e o “produto B”. Você, como afiliado, divulga e manda tráfego para o “produto A”. Contudo, um cliente que acessou seu link resolve comprar o “produto B” ao invés do “produto A”.

Nesse caso, você receberá a comissão pela venda, mesmo não tendo indicado o “produto B”, pois a afiliação era global.

Portanto, isso é excelente para você divulgar como afiliado e gerar mais vendas!

8. Suporte para afiliados

Os produtores que oferecem suporte para seus afiliados estão preocupados em ajudá-los a vender também. Então veja se há materiais de divulgação, e-mail de contato, área de membros ou grupo de afiliados.

Se você quer trabalhar com tráfego pago, peça o Lookalike (público semelhante) ao produtor também.

9. Você compraria esse produto?

Pense com a mente do seu avatar e responda olhando para o produto: você o compraria?

Por isso, você precisa conhecer muito bem o seu público, para saber de perto o que eles sentem e se eles teriam vontade de comprar aquele produto.

Lembre-se que o seu produto deve oferecer uma transformação na vida de quem o compra.

Sempre ofereça o que tiver de melhor no mercado a sua audiência, ou então você não irá transparecer credibili- dade. Seu público perceberá que você só está indicando aquele produto para vender mesmo e não irá mais confiar no seu trabalho.

No meu caso, quando eu indico um produto, eu indico algo que eu conheço de perto e que eu sei que poderá mudar a vida das pessoas. Sempre ofereço algo completo e confiável, que realmente funciona!

Qualquer dúvida que você tiver sobre o assunto, pode deixar nos comentários, que tentarei te ajudar ao máximo! Forte abraço,

DICA EXTRA:

Algumas pessoas estão me perguntando qual é o curso que eu mais recomendo para quem deseja começar um negócio de sucesso na internet, mesmo sem ter qualquer conhecimento sobre o assunto.
A minha recomendação, tanto para quem está iniciando, como para quem já possui mais experiência, é esse AQUI!

Artigos Relacionados

Deixe Seu Comentário